24 de Fevereiro de 2009

Assis poderá contar com Centro de Convivência do Idoso

da Redaçao Rádio Difusora

A Câmara dos Vereadores de Assis, na sessão ordinária de segunda-feira, dia 16, adiou por uma sessão o projeto de Lei de autoria do vereador Ricardo Pinheiro (PSDB) que autorizava o Poder Executivo a implantar creche para idoso no município. Entretanto, quando entrar em pauta na próxima semana, o projeto terá uma outra denominação, não sendo aquela de "creche para idoso". O projeto autorizará o Poder Executivo a implantar no município o Centro de Convivência para o Idoso.

O novo projeto estabelecerá que fica este centro destinado a atender idosos, a partir dos 60 anos de idade, com atendimento de segunda a sexta-feira, em horário comercial, e se necessário em dois turnos, cabendo ao município garantir alimentação, lazer, assistência médica e outros benefícios à terceira idade. O acompanhamento será prestado por médicos, nutricionistas e profissionais afetos à área.

A creche deverá contar em seu quadro de profissionais um professor de educação física, que deverá promover exercícios físicos e atividades esportivas com os idosos ali atendidos. Deverão ser instalados equipamentos de ginástica para a prática de exercícios físicos.

Este centro deverá atender a um número mínimo de vagas destinadas a familiares, cujos componentes não têm onde deixar o idoso que convive com os mesmos quando estão em atividade laboral. Os idosos serão matriculados por opção voluntária ou por, no mínimo, duas pessoas em família, caso em que deverá ser comprovada sua incapacidade em expressar sua vontade. Somente poderão ser matriculados no centro os residentes no município, comprovadamente, há mais de um ano. Para fins de matrícula, terão preferência os idosos que não contam com recursos econômicos, próprios ou familiares, suficientes para uma velhice digna.

Pinheiro comentou que achou por bem alterar a denominação de creche para Centro de Convivência do Idoso, levando em conta sugestões dos colegas. Para ele, os idosos merecem uma atenção especial do município e destacou que a implantação do centro irá melhorar a qualidade de vida dos idosos, que estarão em contato com outros idosos, trocando idéias, experiências de vida.

 




<< Voltar >>